Japinha Gostosa Dando O Cu Pro Amigo Foder

Japinha Gostosa Dando O Cu Pro Amigo Foder

Japinha Gostosa Dando O Cu Pro Amigo Foder

Desceu então até o montinho de pelos abaixo do umbigo e acariciou demoradamente aquela selva pronta pra ser desbravada. Eu gemia baixinho e fazia uma cara de safada– gosta de apanhar é safada? Que gostosa! Puta minha tem que gostar mesmoEu ja doida por aquele pau calei a boca dele com um beijo e fui beijando-o ate chegar ao seu pau.

Naquele momento ela de frente pra parede empinou ainda mais a bunda pra eu sarra-la, foi então que finalmente eu levantei o vestido e pude ver com os próprios olhos aquele rabo gostoso com aquela calcinha fio dental preta toda enfiada, um convite para continuar sarrando, Jane tem uma bunda perfeita, daquelas que da vontade de ficar olhando e acaridando por horas a fio, foi o que eu fiz, aproveitei o máximo que eu pude aquele rabo que chamara a minha atenção uma semana antes na praia, ela estava gemendo de tesão, eu passava minha mão entre suas pernas, na altura virilha, bem próximo a buceta, na mesma posição me ajoelhei no chão, puxei a calcinha pro lado e lambi o cuzinho e a bucetinha dela igual um cachorro, ela gritou e me xingou me filho da puta, finalmente eu estava ali, lambendo aquele cuzinho rosado e apertado exalando aquele cheiro característico de bunda.

Após algumas horas já depois de ver bastante coisa comecei a conversar com uma japinha bem gordinha na fila da lanchonete.

Me posicionei atrás dele e o levei para dentro do box – o leitor deste espaço já deve ter percebido que adoro foder embaixo do chuveiro. ""Oi pessoal, sou a Kelly (A PRIMEIRA TROCA) e como já tive oportunidade de relatar em meu primeiro conto, fizemos nossa primeira troca de casais com nossos amigos Paula e Mauro, tudo estava às mil maravilhas com nosso relacionamento a quatro, moramos no mesmo prédio e isso facilitava muito, só que para não tornar uma coisa rotineira, decidimos fazer nossas festinhas aproximadamente duas vezes ao mês (pra dar uma saudadezinha gostosa).