Coroa Safada E Gemedeira Chama Seu Vizinho Novinho Para Comer Seu Rabo Guloso

visualizações

10 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , ,

Coroa Safada E Gemedeira Chama Seu Vizinho Novinho Para Comer Seu Rabo Guloso

Coroa Safada E Gemedeira Chama Seu Vizinho Novinho Para Comer Seu Rabo Guloso

A safada gozou gostoso… Hummmmmmmm"olá me chamo Rubens, tenho 1,68 cm 25 anos, moro em São Paulo.

Tudo começou quando eu pegava o transporte público de vitória, todo dia VC ver quase as mesmas pessoas e todo dia pegava o mesmo ônibus uma coroa baixinha usava óculos. Mas ali era meio complicado, vizinhos poderiam ver. DIANTE DAQUELA PLATÉIA LOUCA E TARADA O MORENO FOI ENTERRANDO AQUELA COISA, OUVIU-SE O PRIMEIRO GEMIDO DA GAROTA, VOCE ESTÁ BEM PERGUNTEI, SIM METE MAIS PEDIU DIRETAMENTE AO SEU CARRASCO E ESTE FOI ENFIANDO, E AQUELA VARA FOI DESAPARECENDO NA BUCETA DA GAROTA, JÁ TINHA ENTRADO A METADE QUANDO ELA DEU UM GEMIDO E ME PARECEU QUE TINHA CHEGA AO SEU LIMITE, FIZ SINAL PARA ELE SEGURAR UM POUCO E PERGUNTEI PRA ELA, ACHA QUE VAI SUPORTAR? VOU SIM EU ESTOU BEM BALANCEI A CABEÇA E O CARA ENTENDENDEU E FOI ENTRANDO E DESTA VEZ FOI ATÉ O FIM, OLHEI PARA O ROSTO DA GAROTA MESMO NA PENUMBRA NOTEI QUE ESTAVA BASTANTE PÁLIDA, QUER PARAR? NÃO TUDO BEM ELE JÁ ENFIOU TUDO? JÁ QUERIDA, ESTÁ TODO DENTRO DE VOCE, PONHA ENTÃO NA MINHA BUNDA ANTES QUE ELE COMECE A ME FUDER, EU QUERO OS DOIS AMOR, OUVIU O QUE ELA DISSE PERGUNTEI AO ROBERTO, SIM OUVI, ENTÃO EU PEGUEI UM GEL ÇUBRIFICANTE PASSEI NA ENTRADA DO SEU CUZINHO ENCOSTEI A CABEÇA DA PICA DURA COMO UM FERRO E FUI ENTRANDO LENTAMENTE, ELA GEMIA LOUCAMENTE, QUANDO SENTIU-ME INTEIRAMENTE DENTRO DELA FALOU COM VOZ FIRME ME FODAM AGORA, COMEÇAMOS A NOS MOVIMENTAR DENTRO DAQUELA MULHER ENLOQUECIDA, EU SENTIA O PAU DO ROBERTO ATRAVÉS DA PAREDO DO ANUS ELE BOMBEAVA RÁPIDO TIRANDO TUDO E ENFIANDO NOVAMENTE, COMEÇAMOS A CADENCIAR OS MOVIMENTOS QUANDO ELE ENFIAVA EU TIRAVA E QUANDO ELE TIRAVA EU ENFIAVA, DE VEZ ENQUANDO EU OLHA NA FRENTE E REALMENTE ERA LINDO VER AQUELE ENORME PAU ENTRANDO E SAIDO DAQUELA BUCETA LINDA, QUANDO ELE PUXAVA OS LÁBIOS VINHAM JUNTOS E EM SEGUIDA FAZIA DESAPARECER NOVAMENTE, O PESSOAL DA PUNHETA NÃO DESGRUDAVA OS OLHOS E AS MÃOS SE MOVIMENTAVAM COM MAESTRIA, MAS PARECIA UMA OSQUESTRA, MELISSA DELIRAVA E PEDIA PRA SER FODIDA ME FODAM ME FODAM, AI MINHA BUCETA, AI MEU CUZINHO, QUE DELICIA, MAIS MAIS FUNDO ME MATEM, AVISEI AOS DA PUNHETA, NÃO SUJEM A GAROTA QUANDO GOZAREM, PODE DEIXAR DOUTOR, SÓ AVISEM QUANDO FOREM GOZAR, QUEREMOS GOZAR JUNTOS, FEITO NÓS AVISAMOS, E AI MORENO AGUENTA MAIS UM POUCO, VAMOS TER QUE PARAR MOÇO EU ESTOU QUASE GOZANDO, SUA MELHER É MUITO GOSTOSA E APERTADA, TUDO BEM PAREMOS UM POUCO NÃO VAMOS GOZAR AINDA, ALGUNS DOS ASPECTADORES SE ABAIXAVAM PARA VER AS ESPADAS ENFIADAS NA GAROTA QUE TAMBEM JÁ ESTAVA A PONTO DE EXPLODIR, ALGUEM APARECEU COM UM LENÇO MUITO LIMPO E SECOU O ROSTO DELA APÓS ME PEDIR LICEÇA PARA TOCA-LA, FAZ PARTE DO CÓDIGO FIZ SINAL QUE SIM E ELE LIMPOU O ROSTO ENSOPADO DE SUOR, FIZ UM SINAL E FALEI TE PREPARA AMOR VAMOS GOZAR PROCURE GOZAR BASTANTE, REINICIAMOS BRUSCAMENTE OS MOVIMENTOS DE TIRA E BOTA E LOGO EM SEGUIDA COMEÇAMOS A GOZAR TODOS JUNTOS FOI UMA GEMEDEIRA TERRIVEL, MELISSA URRA COM UMA LEOA FERIDA, GOZEI BASTATE E ESPORREI VÁRIAS VEZES DENTRO DAQUELE CUZINHO APERTADO E QUENTE, O ROBERTO DEMOROU MAIS TEMPO GOZANDO PARA O DELIRIO DA GAROTA, EU TERMINEI E TIREI O PAU DO SEU CU, COMO O CARA CONTINUOU BOMBANDO ELA COLOCOU TODA MINHA PORRA PRA FORA EM GOLFADAS FORTE COMO UMA MIJADA O QUE TERMINOU ME SUJANDO AS CALÇAS. Marcela e Fran só usam fio dental e a amiga delas também, foram pra piscina, os rapazes foram fazer churrasco junto comigo, começamos todos a tomar cerveja, o dia transcorreu normal, a noite marcamos de ir a cidade ver o mela mela na praça, deixamos as meninas na casa e fomos, já bem entrosados pela bebida e pelo dia juntos, a Marcela de short de malha e um bluzinha sem sutiã, a Fran e a amiga também, chegando lá fomos comprar bebida, elas todas animadas, no mela mela, começou as brincadeiras, notava que tanto o namorado da Fran como o amigo por serem mais jovens eram bem salientes, vez por outra pegavam a Marcela pela cintura e saiam brincando, eu como não achei nada demais, num determinado momento o namorado da Fran abraçou a Fran e Marcela pela cintura e ficou um bom tempo, olhei desconfiado quando vi ele passar a mão boba na sua bunda, ela não fez reação, fiquei só olhando pois os olhos dela brilhava, ele apertava sua cintura puxando pra junto de si, e depois agora descabidamente apertou sua bunda com a mão, notei que ela deu um beliscão nele rindo pra ele, acho que foi a aprovação, fiquei com ciumes, mais inexplicavelmente com tesão também, notei que a Fran estava vendo mais era cúmplice, pois até incentiva a amiga com os olhos, o outro casal estava proximo, acham que estavam vendo pois é muito explicito, mais não esboçavam reação, bom fiquei proximo na minha tomando cerveja e resolvi entra na brincadeira servindo cerveja para eles, disse que iria num bar comprar mais, peguei o isopor e fui, quando voltei acho que eles sabiam que eu não iriam ter nenhuma reação, a Marcela e Fran estavam aguarradas no pescoço dele, Marcela tinha dado um beijo no pescoço dele e ele alisando suas costas, me aproximei coloquei cerveja nos copos deles e continuamos, Marcela vez por outra vinha em minha direção, me dava um beijinho e, voltava pros braços dele, assim ficaram até meia noite quando o mela mela acabou, fomos todos pros carros para volta ao sitio, no carro Marcela notou que eu estava de pau duro, pegou no meu pau, vinha devagar para não bater o carro, ela tirou o pau para fora e disse hum amor esta assim, rapidamente ela tirou seu short, ficando só de calcinha, meteu a mão na buceta e passou na minha boca, olha amor tô toda gozadinha, fiz só ri, ficou me punhetando no carro e dando uns beijinhos, com as pernas abertas e eu com uma mão na sua buceta toda melada, eu disse amor eu vi você e o namorado da Fran, ela riu e disse gostou amor, eu afirmei que sim com a cabeça, ela disse você viu com sou uma putinha amor, eu disse sim e continuou me punhetando, ela disse amor o pau dele tava super duro, ele colocou minha mão e a da Fran em cima dele, quase gozo amor, queria dar pra ele ali mesmo, você deixava amor, eu disse sim quase gozando, ela disse goza amor na mão da sua putinha, gozei quase bati o carro, chegamos no sitio, pois é perto, Marcela desceu para abrir o portão só de calcinha com o carro deles atras, só vi os assobios da turma no outro carro atras do nosso, entrei com o carro e Marcela ficou atras pra fechar o portão, ela não mais vestiu o short, correu pra piscina, tirou a blusa e pulou, a Fran fez o mesmo jeito, fui abrir a casa, o casal novinho disse que iriam pro quarto, então logo estavam Marcela, Fran e o namorado dela na piscina, fui até lá e já como corno disse que iria pegar umas cervejas pra eles e iria me deitar, deixei eles na piscina abastecidos de cerveja e fui pro meu quarto, do quarto dava pra ver a piscina, fastei a cortina e vi que eles estavam juntos rindo, logo vi a Marcela dar um beijo nele, depois o namorado sentou na borda da piscina, Fran e Marcela começaram a dividir o pau dele todas duas chupando, não demorou elas sairam da piscina e Fran sentou no seu pau enquanto a Marcela deu sua buceta para ele chupar, logo vi que Fran gozou e foi a vez da Marcela, deitou-se abriu as pernas e ele meteu na sua buceta com Fran por cima dela e ela chupando a Fran, ficaram assim, depois Marcela ficou de quatro com ela gosta, ele por tras e Fran com a buceta na cara da Marcela, não demorou e ele gozou dentro da Marcela, eu já tinha gozado vendo, demoraram um pouco e vieram pra casa, Marcela entrou no nosso quarto fechou a porta, veio até mim, meteu o dedo na buceta e passou na minha cara, sua puta tá toda gozada amor, foi maravilhoso, assim foi depois conto como foi o restante o carnaval…. Falei para nossa escravinha que queria repetir a posição que tanto gostei quando a conheci,mandei ela ficar com as pernas pra cima,fiquei em pé na cama,abri minhas pernas e,segurando sua bunda,meti meu pauzão dentro de seu cuzinho e comecei a comer em pé,que delícia aquela sensação de prazer,de macho comendo sua fêmea,Lucas também não perdeu tempo e deu seu pinto para ela mamar,eu estava fora de mim,segurava sua bunda e fazia movimentos rápidos sentindo muito prazer vendo ela chupando e lambendo o cacete de Lucas que já estava alucinado de desejo,a tesuda também estava sentindo prazer pois sua xoxota pingava. Ele deu uma melada de saliva no meu cu e enfiou de uma vez seu pau no meu rabo guloso.

Elecomeçou a chupar sua bucetinha em chamas toda molhada.